Superar qualquer crise

As características para superar qualquer crise

Nesse artigo você vai aprender quais são as características que uma pessoa deve ter para superar qualquer crise, seja ela financeira, profissional ou pessoal.

Atualmente estamos passando por uma pandemia no mundo e, que está desencadeando crises políticas, financeiras e até mais, muitas pessoas estão se questionando sobre o que fazer para ganhar dinheiro. Além disso, sabemos que as incertezas geradas pelas crises, causam ainda mais transtornos emocionais, como ansiedade, depressão, estresse, entre outras coisas.

Estamos numa fase onde temos que nos adaptar a essa nova realidade e já nos perguntamos como será o novo normal depois que tudo isso passar, a nossa confiança cai, duvidamos de nós mesmos, pensamos por diversas vezes em desistir, superar a crise parece que fica mais difícil a cada dia.

Minha ideia para esse artigo é trazer características importantes que você pode desenvolver nesse momento e que te tornarão mais forte, mais resiliente e capaz de enfrentar qualquer crise ou adversidade futura.

Eu vou listar abaixo quais são essas características e na sequência vou te falar sobre cada uma delas e sobre o que fazer para desenvolvê-las.

As 7 características para superar as crises

  1. Flexibilidade
  2. Adaptabilidade
  3. Clareza
  4. Paciência
  5. Autoconfiança
  6. Otimismo
  7. Ação

Flexibilidade

Para entender essa característica, é importante entender o significado de ser flexível, pois a grande maioria das pessoas acredita que é aceitar tudo, quando na verdade não é.

É a qualidade de compreender e ouvir as opniões de outras pessoas, sem desvalorizar as suas próprias, é a capacidade de entender que alguns fatos acontecem, mas que você pode reagir, mudar suas ações e alcançar aquilo que deseja.

Pessoas mais flexíveis são mais abertas e conseguem aprender com os outros aquilo o que falta nelas.

Flexibilidade é pensar em novas alternativas para alcançar objetivos e metas.
Se você deseja ser mais flexível, pratique o seguinte:
Ouvir primeiro, tirar conclusões depois.
Entender que os fatos são os fatos, mas você pode controlar a maneira com que vai reagir a eles, e isso sim depende de você.
Pessoas que conquistam grandes resultados e se tornam capazes de superar qualquer crise, erram várias vezes, mas são flexíveis a ponto de tentar novamente, fazendo de outra forma, escolhendo novos caminhos.

Adaptabilidade

Essa habilidade vem depois da flexibilidade não por acaso, afinal só é possível se adaptar se você for capaz de ser flexível, se souber encarar as mudanças sem ficar remoendo o porquê de elas estarem acontecendo.

Se você deseja superar qualquer crise, qualquer momento de dificuldade, se adaptar rapidamente é extremamente importante, isso porque você se torna capaz de perceber que o cenário mudou, que as circunstâncias são outras, e com isso consegue mudar suas ações rapidamente.

A diferença entre flexibilidade e adaptabilidade pode parecer bem pequena, mas se você for flexível e não for adaptável, corre um grande risco de permanecer na sua “zona de conforto”, sendo flexível até um certo ponto, sem se dar a oportunidade de mudar.

Se você for adaptável e não for flexível, corre um grande risco de botar tudo a perder, nos negócios, nos relacionamentos, nos investimentos.

Sem flexibilidade você sofrerá com grandes gastos de energia acreditando que o mundo vai se adaptar a você.

Clareza

É através dela que a sua motivação diária virá.

A clareza da sua direção é crucial para encontrar forças para levantar pela manhã, a clareza vai te fazer experimentar um sentimento de entusiasmo, de atração pelos resultados pelos quais você está se dedicando.

De nada adianta você ter apetite por trabalhar duro se você não souber qual é o objetivo de trabalhar, por quais ideais você tem se dedicado.

Se você está passando por dificuldades e crises, lembre-se da direção em que você está indo, lembre-se do que te fez começar.
Quando existe clareza de direção, você dá 100% de entrega e se torna capaz de superar qualquer crise.

Sem saber para onde você vai, é impossível traçar uma rota para chegar lá.

Paciência

Paciência é uma virtude baseada na sua inteligência emocional, na capacidade de controlar o “como” você reage quando as suas emoções se fazem presentes.

É muito comum em momentos de crise nós querermos que os resultados aconteçam rápido, afinal ninguém quer ficar sofrendo por muito tempo, nós naturalmente buscamos o prazer imediato.

Isso faz com que muitas pessoas tomem decisões das quais se arrependerão no futuro, exatamente por não pensarem melhor nas consequências de suas ações e por desejarem resultados imediatos.

Quem é paciente consegue passar por situações de crise sem perder a calma e a concentração. Não se trata de ficar paralisado, mas de saber pensar com calma e tranquilidade, colocando de lado a emoção.

Muitas vezes pode ser difícil ter paciência quando sabemos com clareza para onde estamos indo, por isso é importante que você crie a sua estratégia para tomar melhores decisões e superar qualquer crise.

A minha estratégia para tomar decisões importantes utilizando a paciência é:

  1. Pesquisar sobre o assunto
  2. Pesquisar sobre as consequências da minha decisão
  3. Analisar com as pessoas quem fazem parte da minha decisão
  4. Colocar na balança os resultados e as consequências negativas
  5. Se for uma decisão financeira, calcular o risco x retorno da oportunidade
  6. Esperar alguns dias para que a emoção da empolgação abaixe e eu possa decidir com a razão

 

Aquele que tiver paciência terá o que deseja

Benjamin Franklin

Autoconfiança

Essa característica servirá naqueles momentos em que você precisará arriscar, tomar uma decisão propulsora para os resultados pelos quais você vem se dedicando, ser autoconfiante é acreditar em si e na sua capacidade.

Ela é extremamente importante para a sua saúde e bem-estar psicológico.

Eu gosto de associar a autoconfiança com a capacidade de colocar em prática os conhecimentos que adquirimos. Perceba que eu não estou dizendo um grande volume de conhecimentos, mas apenas conhecimentos.

Isso porque existe uma diferença importante, exatamente neste ponto.

Eu já conheci muita gente que passou do ponto na autoconfiança e se tornou arrogante por possuir um excesso de conhecimento, diplomas, cursos, etc. Por outro lado, essas mesmas pessoas eram apenas grandes balões inflados de conteúdo, mas ao mesmo tempo vazios de resultados.

E exatamente aqui vem o ponto chave.

Sua autoconfiança vem com os resultados que você alcança, a partir dos conhecimentos que coloca em prática. Por isso existem pessoas com pouco conhecimento, mas com muitos resultados, são pessoas que executaram e colocaram a mão na massa.

Aprenda, coloque em prática, ajuste a rota, e sua autoconfiança crescerá junto com seus resultados.

Mas e se eu estou começando e não cheguei lá ainda?

Eu tenho certeza de que você já realizou alguma coisa na sua vida, você já se superou crises em alguns momentos e por isso, ao iniciar um novo projeto, lembre-se desses momentos para abastecer sua energia e autoconfiança.

Se você não confiar em você mesmo, por que as outras pessoas deveriam confiar?

Otimismo

É a disposição para encarar as coisas pelo seu lado bom e desejar por um desfecho positivo.

Otimista é uma pessoa que se revela confiante, mas ao mesmo tempo que deve se preparar para superar os momentos difíceis.

Pensar que o futuro será melhor que hoje é o primeiro passo para ter um futuro melhor.

Quando a autoconfiança e o otimismo caminham juntas, os resultados alcançados são muito maiores.

Eu gosto muito de uma frase, que pra mim resume muito o que é ser otimista.

Prepare-se para o pior, espere pelo melhor.

Ação

Deixei essa características por último, pois de nada adianta você ser otimista, autoconfiante, paciente, ter clareza, se adaptar e ser flexível se não colocar a mão na massa.

Veja bem, estamos falando de superar dificuldades, e a ação será indispensável para isso. O mundo já tem pessoas demais querendo que os outros resolvam as dificuldades, querendo responsabilizar o outro por um resultado que precisa depender de você mesmo.

Se você está num deserto quente e com sede, você precisa caminhar, cavar, procurar água de alguma forma, pois ela não virá até você sozinha.

A ação tem um poder tão grande, que o universo (ou Deus), como você preferir chamar, percebe suas intenções dentro delas, e as coisas se movimentam de tal forma que você chega lá, você encontra água no deserto, e nesse momento acontecem coisas que antes pareciam impossíveis, porque você colocou nas ações a sua energia, a sua motivação. Sua ações unidas às outras características, irão superar qualquer crise.

Conclusão

Se você está em busca de superar suas dificuldades, lembre-se de cada uma dessas características e pergunte-se sobre o que você pode fazer para desenvolvê-las.

Como você tem utilizado cada uma delas no seu dia-a-dia?

Será que se você tivesse sido mais flexível, você não teria evitado discussões desnecessárias? Você não teria pensado em outros argumentos que teriam levado a um resultado melhor?

Você realmente sabe para onde está indo? Qual é o seu objetivo em fazer o que faz? O que você deseja alcançar de mais genuíno?

Seus hábitos diários estão te tornando mais otimista ou pessimista?
Eu não sei se você já percebeu isso, mas as grandes mídias não estão contribuindo para que você se torne alguém mais bem sucedido, alguém capaz de vencer as dificuldades. Ao contrário disso, elas te mostram tudo aquilo de pior que acontece, todas as tragédias diárias presentes no mundo.

Talvez seja a hora de rever seus hábitos diários, trocar a TV pelo livro, por um podcast, por conteúdos relevantes na internet.

O maior aprendizado que você pode tirar de qualquer crise, seja ela qual for, é uma frase dita pelo ator Will Smith numa entrevista:

 

Qualquer que seja a dificuldade que você esteja passando, saiba que alguém já passou por ela, e a solução já foi escrita em um livro.

 

Por isso, lembre-se que tem solução, é possível prosperar, seja qual for a sua crise, ao desenvolver as habilidades acima, você não só se tornará capaz de vencer qualquer adversidade, mas se tornará também um ser humano muito melhor.

Rodrigo Camargo

Investidor, empresário e viajante

>